Inspirações 5

13 12 2009

ola pequeno mamute lavrador das colinas antigas da civilização maia congelados em perpetuo casulamento invisivel e imperceptivel





A Agulha do Passado

13 12 2009

Segure na minha ampola

Segure vc e aperte a seringa

Enfiarei a seringa em seu olho como uma rajada de vento na ponte mais alta por onde passará o rio de 3 dimensoes
olharei para baixo e verei o pica pau

fiquei sem palavras
deixe-me pensar um pouco

esperarei o seu ritual pensativo

essa seringa vc pensa q enfiará em melu olho, pois a agulha se desviará em sua direção, entrando no menor poro onde se encontra o nervo mais dolorido que tenha… e ela entra como em uma acumpultura, beliscando-te o mais terrível dos nervos, causando choques a pontp de deixar-te louco
essa agulha sim, passará como um feixe de luz no céu

essa loucura ninguem perceberá, você aflito em sua cama, buscando cordas para se segurar mas só acha restos de sua vida sem segurança, agora esta agulho está mais profunda, atingindo seu osso a ponto de ruir cranios e acabar com sonhos que você certamente não terá, pois nesses dias chuvosos os trovões e a tristeza não o deixarão dormir com a paz que você busca, você tenta se embrulhar como um pacote mas não consegue, saberá apenas o seu destinatário lembrado em todos os dias, com muita dor ainda não esquecerá mas o conhece, não particularmente mas através de outras pessoas que já não são mais pessoas mas estão ainda presentes, portanto só resta esperar.

Derrepente você acorda suando, sem saber o que é dia ou noite, a felicidade toma o seu corpo por saber que ainda está vivo, os pensamentos vem a tona e a lembrança daquela agulha ainda não cicatrizaram, levantarás para ver-te no espelho nas sombras, não gostará o que veras, o teu reflexão mostra aquilo que fizestes no começo, buscando por comida acharás algo que o tornou seu proprio escravo, esta agulha não existe mais é apenas o passado.





Inspirações 4

13 12 2009

(14:09)
A essa hora fica dificil transcender os limites diarios da imaginação fertil e afetivado ao redor do mundo no qual vivemos





Texto Sobre Banho

13 12 2009

BANHO UM APERITIVO DE REFLEXÕES
Tomar banho também serve para um aperitivo de reflexões pena que há consequências membros murchos
Depende da consequência depende da reflexão, entra-se no chuveiro e a mente nunca fica focada no banho em que se toma na água que escorre pelo corpo do primeiro mais comprido fio de cabelo até a ponta do dedão do pé, na espuma que se prolifera através das esfregadas do sabonete contra o corpo, ou contra uma esponja macia, desgastada ao longo do tempo e cheirosa de tanto sabonete já passado ou mesmo do shampoo, ora xampu, que se esfrega no couro cabeludo que tanto tomou ar, sol ou chuva ao longo do dia, tão cansados quanto o seu dono a mente, não, em nada disso se concentra em uma cabeça já perturbada e alvoroçada, começa a correr pelos olhos da mente todo o dia que se teve e os problemas inclusos na mesma… Tudo roda, como um trailer de filme antigo, mostrando os pontos mais culminantes da história, além de estar empoeirado devido à película ser muito antiga… Poeira essa que nos causa perturbação por não serem as maravilhas que gostaríamos de ter passado assim nos recordamos… Ora felizes, ora tristes numa mágica transição bipolar que só serve para nos confundir e ensinar algo de útil, nos trazendo experiência.
A liberdade tão notória que passiva que sentimos através de nossas veias, não para lutarmos bravamente com sangue sobre corpos ou vitimas, mas na busca do verdadeiro eu do ser humano que quer somente a paz, o amor, felicidade e a família, que passou a melhorar esse tal de banho que é conhecido por outras culturas, mas vivenciado de maneiras diferentes e às vezes tristes. Às vezes parece que está escrito errado somente algumas letras, mas percebendo o complexo do texto talvez inspirado pela maluca da Clarice Lispector, há significados e entendimentos, que muitos chamam de loucura ou algo mais intenso que está situado em alguma região do corpo até mesmo o espiritual que viajou durante tempos para se aperfeiçoar, com esse jogo de palavras tentaremos nos explicar com nossas palavras para que o leitor sinta o que está acontecendo e não somente leia e crie em sua imaginação a história contada.
Preciso pensar calma ahuahua.
Não tens que pensar, pensamento não é necessário, é apenas para a tomada de decisões e não de desejos que guardamos até mesmo durante décadas e precisando ser exteriorizadas para outro alguém para que nós deixemos mais livres e leves para continuarmos nosso rumo ao que chamamos de perfeito e digno.
Mas mew entenda q vc se poe a escrever e não sobra tempo pra mim ahuahua. Mas eu não ligo, pode escrever, é q eu to com a cabeça fraca hehehe
Esperarei por vosso 2º eu, expressar os mais primitivos sentimentos do ser humano que por muitas vezes é guardado, mas a expressão é arte que à medida que o tornamos real de alguma forma no papel, nos faz presenciar o que aconteceria e como aconteceria aquele algo ou alguém, que está planificado num simples papel a4.
Primeiramente temos que ver onde queremos chegar, para juntos seguirmos por caminhos diferentes a fim de atingir um objetivo em comum, tal “assunto”… O que estamos fazendo no momento é expressar… Esse o único caminho que a mente, juntamente com a alma carregada de anos de luta encontra para soltar o que guarda dentro de si, não interessa se são palavras, ações ou o que quer que seja… Interessa que é a forma que temos para mostrar o que queremos através da expressão e a mais pura, sincera e verdadeira é aquela feita no ato, espontaneamente e sem floreios como numa peça de teatro, onde o diretor escreve todo um texto, monta um palco, figurino e direciona isso para seus alunos-atores executarem… Quando nos expressamos, temos que ser direitos, na hora, sem pensar em mudar algo que possa ocorrer, assim tornando-o falso por isso, não basta sairmos escrevendo como pessoas loucas por vomitar palavras e dizeres sem que as mesmas tenham algum significado.
Nesse caso erros são aceitos, essas rubricas paradoxais devem ser estimuladas de formas derivadas para que possamos atingir o maximo de aceitação possível.
Embora, muitas palavras possam parecer estranhas e mal-colocadas, elas podem dizer alguma coisa a mais. Entretanto, precisamos de um objetivo pré-definido, para juntos, alcançarmos, porém, por caminhos diferentes, cada um dizendo o que sente o que vê o que percebe o que tem em mente… Assim moldando todas as palavras até formamos o que desejamos.
E esse objetivo poucos conhecem é algo que se desenvolve e aparece como uma noto corda em um embrião, quando for o momento certo ela se tornará completa e o ser humano um ser vertebrado.
Ou também de uns sacos de areia e cimentos, começarmos a juntar, misturar e criar até formar uma bela construção e, procurar entender de como, de simples coisas existentes nesse mundo, podemos formar outras mais inteligentes e complexos, algumas até absurdos a olhos ignorantes de outros.
Mas essa construção não é simples teremos que juntar todo o material necessário, esse material pode demorar anos para ser adquirido, por alguns mais rápido ou mais devagar.
Material esse que não adquirimos apenas nessa existência, mas sim de outras… São como bagagens e mochilas que trazemos de outras vidas… A única coisa que trazemos quando nascemos é nossa inteligência, que fica latente e quieta, até o momento de acordamos pra vida e despertar, e lógico, toda essa bagagem foi comprada através de décadas de existências.
Esse despertar seria o atrito, que apenas no momento certo se despertará no individuo.
E trazemos conosco, toda vez que descemos num trem e embarcamos em outro, com destino a uma nova vida.
Uma vida buscando apenas o acréscimo de coisas fundamentais
Como a inteligência, a única coisa que levamos para nossa próxima aventura
a moral.
As virtudes
E outros fatores comportamentais e mentais que enfiamos no pacote
as virtudes, claro, sem dúvidas, e aproveitamos para jogar fora os nossos defeitos, como papési de bala sem importância
papéis8
*.
Apenas drogas que servem como tartarugas em uma viagem que apenas terá fim quando for realmente o fim, mas ainda não será o fim (eheehehe).
Na realidade, nunca será o fim… A jornada é infinita
Então foi o que eu disse
O que fica e jaz apenas é a vestimenta que usamos: o corpo
Portanto esse banho que nos limpa a mente e o corpo das diversas malicias do mundo externo nós deixando sós apenas conosco é apenas uma parte desse ciclo de graça e expansão do ser humano como um todo para a perfeição que para mim significa apenas o uso bom de recursos naturais sendo humanos ou não, mas de todos os seres vivos que fazer parte do nosso currículo espiritual.

Por: Marcelo e Vinícius =D





Inspirações 3

13 12 2009

dentro de um bar
eu fui salvar um, com a certeza que iria se machucar
levou um tiro na mão
e ele não conseguia pegar a arma
eu empurrei a arma
e ele pagou com a mão esquerda
quando levou o tiro eu e ele caimos

ai em abracei ele
e nós sentimos algo em comum
era uma relação muito intima
de amor e paz
que Fluiu sobre meu corpo
e me arrepiou
me fez sentir o quão bom é a vida
os pelos não me incomodavam
só me deixavam mais sagaz
e ponto de o desejo me enlouquecer
até que um dia
esse alguem me traiu
tive que viver com apenas uma pessoa
eu mesmo
e partir dai
o mundo nunca foi mais o mesmo
muitas estradas foram caminhadas
tudo ao encontro do meu eu verdadeiro
que tinha se partido como um copo de cristal ao cair sobre o chão
mas a polvora sentida em minhas mãos naquele momento em que eu senti o prazer
foi algo surreal
eu agora
após anos
renasci
para mais um nova chama de amor
que a vida me guardou
o nome dele era RONALDO

(kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk)





Inspiração 2

13 12 2009

eu apenas escovarei os dentes
e dormirei com os olhos abertos
esperando que algum tom de luz me toque
ele me tocou
era dia
ouvia os passaros e sentia a brisa
do mar





Inspirações 1

13 12 2009

00:41 =D

momentos de inspiração
vc já viu meu blog?
abandonado por sinal

e de ligação com algo mais externo
era ele
sim era ele
como era muito iluminado
não o vi perfeitamete
meus olhos brilhavam
escorriam as lagrimas

mew… chega!

mas não desistia de tentar enxergar
aquela luz que vinha da estrela mais profunda dos céus








Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.